De volta à Nova York

Fazia já uns anos que eu não vinha à Nova York visitar meu filho. Desta vez o novo atrativo é conhecer o Brooklin, a New York mais moderninha e descolada da vez. O Brooklin é um daqueles bairros que está em mudança, que ainda guarda uma enorme multiculturalidade – o que, ao se pensar em NYC já é uma redundância -, espaços de transição entre o originalmente lugar da exclusão social e o lugar do sossego e de uma melhor qualidade de vida, em comparação a Manhattan. Quer imaginar o Brooklin, ou pelo menos essa parte do Brooklin em que estamos, pense em algum filme romântico americano, com aquelas ruazinhas de prédios pequenos e marrons, colados uns nos outros, com uma escadinha na entrada. Chamam-se “brownstones”.

Carroll St.
Carroll St.

O bairro é tranquilo, bonito, agradável, pelo menos na região chamada Slope Park, onde estamos. Ao lado da nossa rua está o Prospect Park, um parque projetado pelo mesmo cara que projetou o Central Park, mas que, segundo consta, gostava mais do Prospect.

Demos uma boa caminhada pela 5a. Avenida, que é a rua de comércio mais movimentada. Restaurantes, lojinhas, brechós. No meio disso uma loja vintage, com roupas lindas – e caras – dos anos 40 e 50.

Mas ainda tem mais. Ainda não fomos a Williamsburg. E ainda não passeei no Prospect. Conto depois

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s