Sófia, mas pode chamar de Sofia

No caminho da Macedônia para a Bulgária almoçamos em uma vinícola, que é também restaurante e hotel: o Popola Kula. Ali fizemos uma degustação de vinho de uvas locais e sobre as quais eu nunca havia ouvido falar. Aliás, uma grata surpresa foi saber que a Macedônia é uma grande produtora de vinho de boa qualidade. Uma das mais interessantes é a uva Vranec, um tinto encorpado é maravilhoso. Mas a surpresa mesmo foi que nos serviram um Sauvignon Blanc baby, um vinho de colheita recente e que ainda não terminou de passar por todos os processos de produção. Uma delicia!

O percurso rodoviário até Sofia durou mais de 4 horas de viagem, incluindo aí o lento e cansativo processo de cruzar a fronteira e ter que fazer imigração. Chegamos já de noite. Mas tudo foi compensado pelo extremo conforto do nosso hotel, o Grand Sofia. Nosso quarto dá pra fazer uma festa, de tão grande (estimamos uns 60m2, fora o banheiro).

A primeira surpresa em Sofia (que eles pronunciam Sófia) foi saber que esse nome não tem nada a ver com Santa Sofia, que até nem é muito cultuada por aqui. O nome vem da acepção grega da palavra: grande sabedoria. Apesar disso, na avenida principal há uma estátua da Santa Sofia, no lugar onde até os anos 80 do século passado havia uma de Lenin.

Sofia é uma cidade muito bonita, tranquila e boa de se bater perna, apesar de não ter os nossos queridos becos. Mas há muitos parques e ruas de pedestres. A arquitetura ainda guarda aquela pomposidade dos tempos da URSS, mas como foi um território que esteve sob domínio de vários outros povos anteriormente, ficou uma mescla muito interessante. Assim, no meio da preservação de restos arqueológicos encontrados quando da construção do metrô, que os arqueólogos acreditam ser uma antiga cidade da época dos Trácios, existe uma capela pequena, de época posterior aos Otomanos. 

Uma das coisas mais bonitas em Sofia é a Igreja de Alexandre Nevski, que é, claro, uma igreja ortodoxa. Eu nunca havia estado em uma igreja ortodoxa antes e algumas coisas me surpreenderam além da ausência de esculturas. Quase não há bancos, as pessoas assistem à missa de pé; o altar-mór fica separado do salão, “escondido” por detrás de uma meia porta e cortina pesada, que só é aberta na hora da missa. Em todas que visitamos há belos candelabros circulares no centro do átrio. Ao final da missa o acólito sai com um turíbulo com incenso e todos baixam a cabeça ao receber a fumaça. Uma coisa que não entendi foi uma fila que se formou depois da missa diante de um livro. Todos param, acho que rezam, beijam o livro e fazem genuflexão. 

A cerca de 120km de Sofia, em uma região montanhosa, está uma das maiores belezas da Bulgária: o Monastério de Rila, construído por São João de Rila, que ali viveu. É um conjunto de edificações com lugar para os monges, uma torre de observação que serviu para segurança e uma igreja belíssima!!! Sua parte externa é coberta por afrescos do teto ao chão, liiiindos, coloridos e representando o Antigo Testamento de um lado e o Novo no outro. O interior é riquíssimo, com candelabros dourados e afrescos um pouco mais escuros, não sei se por causa da fumaça das velas. Curioso é que não nos permitem tirar fotos sem flash, mas permitem velas, cuja fumaça é muito mais perigosa.


O centro de Sofia é animadíssimo. Há uma rua de pedestre cheia de bares com mesas do lado de fora, restaurantes e lojas dentre as quais a indispensável H&M. Em uma praça em frente ao Teatro Nacional estava havendo uma grande festa Hare Krisna, coisa que eu nem imaginava que ainda existisse.
Vale lembrar que na Bulgária é feito o melhor iogurte do mundo, e não é mentira. Gostosíssimo. O hábito é comê-lo misturado com geleia de mirtilo. Aqui não encontramos muito carne de boi, mas porco, carneiro e frango estão em todos os cardápios. As trutas também são deliciosas.

O próximo passo é o sul da Bulgária. Contarei.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s